sexta-feira, 10 de julho de 2009

ARBORIZAÇÃO EM MANAUS


Avenida Eduardo Ribeiro, com Teatro Amazonas ao fundo.

Avenida Eduardo Ribeiro, esquina com Av. 7 de Setemro.


A cada ano que se passa, é maior a sensação de que a temperatura da cidade aumenta. E isso é fato, muito em função da evolução que Manaus vem passando. É cada vez maior a nossa “floresta de pedra”, formada pelo volume de concreto das grandes construções, a quantidade de pavimentações nas vias, o volume de veículos automotores, o nível de desmatamento etc., permitindo que temperaturas mais elevadas sejam sentidas pela população.


Apesar de Manaus estar localizada em plena região amazônica, no meio da maior floresta tropical do planeta, é fato também que a cidade carece de arborização urbana, que permita que a população “passeie” protegida pelos logradouros.


As fotos postadas acima, encaminhadas por Hozanira Galvão, demonstram que Manaus já teve vias bastante arborizadas, como a Avenida Eduardo Ribeiro. Hoje, um exemplo de via arborizada é a Avenida Getúlio Vargas.

Precisamos que os nossos logradouros sejam arborizados. É cada vez maior a necessidade de um PLANO DIRETOR DE ARORIZAÇÃO para a cidade, que já vem sendo elaborado pelo poder público municipal desde 2007. Com diretrizes definidas, fica mais fácil cobrar e ser cobrado sobre essa questão tão importante para o nosso clima.

2 comentários:

  1. Efrem d'Avila18 de julho de 2009 11:29

    Nossa cidade possui vários pontos bom boa cobertura vegetal, como é o caso da UFAM, Pq. do Mindu, INPA, Pq. Sumaúma e Horto Municipal. Porém concordo que as áreas de intenso trafego urbano carecem de arborização, que proporcionaria proteção contra sol, chuva e, até amenizaria a sensação de cansaço.

    ResponderExcluir
  2. Caro Efrem.
    Com o Plano de Arborização de Manaus, se respeitado e implantado, a cidade terá condições de suprir a grande falta de arborização em suas vias públicas.
    Abraço.

    ResponderExcluir

Registre aqui o seu comentário. Obrigado